A mãe leu a mensagem que matou o seu filho de 16 anos… Se ela tivesse chegado 30 minutos antes… Poderia ter impedido esta tragédia!

publicidade

Quando Amy Briggs, de Nova York, fala sobre seu filho Daniel, é possível observar claramente o orgulho que ela sente nele: um garoto com um grande coração, que sempre queria ajudar o próximo e o fez quando seu vizinho teve cancro.

Mas o garoto de 16 anos já não está mais vivo. Daniel matou-se. Ele foi perseguido e sofreu buillying por 9 anos. Mas foi o conteúdo de uma mensagem de texto que finalmente serviu como o gatilho de uma tragédia. Daniel não via outra saída. Todas as sílabas são carregadas de angústia quando sua mãe fala sobre o que foi feito com seu filho e como ela o encontrou no seu quarto. Mas Amy Briggs tem algo muito importante a dizer.

Mais de 4 milhões de pessoas assistiram ao cruel destino de Daniel. Ninguém pode ignorar o apelo desta mãe em luto contra o bullying.

Fonte Altamente

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *